quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Cinemitologias

Retrato de canga e letras no chão do quintal de uma ilha perdida.

Durante o carnaval, tomando sol e lendo...

07.04

Tenho sonhado fotografias. Quando acordo, há centenas de imagens espalhadas pelo quarto. O cérebro funciona como uma polaroid. Tento juntar tudo pra ver se vira um videoclipe mudo.

Ademir Assunção - Cinemitologias

4 comentários:

Anônimo disse...

Porque isso que literatura é vida. Ela vive em nós e, sobrevive!

Rodrigo .

Felipe disse...

amo polaroid's :)

http://garfosemdentes.blogspot.com/

Felipe disse...

e adorei a foto,
me lembrou o filme vencedos do oscar desse ano...
que achei mó justo.
"quem quer ser um milionário?"

:D

Gaio disse...

Adoro cinema... Escrevi sobre uma vez...